Repórter mostra como se vive sem restrições na Suécia

Já todos temos saudades da vida que tínhamos antes de 2020, e se é verdade que em muitos países se vivem fortes restrições da liberdade, noutros países vive-se quase o “velho normal”, e nem por isso parecem estar a ter piores resultados.

Para tentar perceber porquê, Sérgio Tavares (antigo correspondente da Rádio Renascença em Dili, Timor) foi aquele país ver como estão a fazer os Suecos, que optaram por uma estratégia diferente da maioria dos países.

Seria de esperar que ao fim de tantos meses alguma televisão nacional já o tivesse feito, mas à falta de cobertura pelos principais canais de informação, fique com o relato deste repórter:

429 pessoas gostam disto. Sê o primeiro entre os teus amigos.